SENADO CONVOCA MINISTRO A EXPLICAR EXTINÇÃO DO MINISTÉRIO DA CULTURA

MENDONÇA FILHO SERÁ QUESTIONADO SOBRE AS RAZÕES PARA A DECISÃO

Diante da pressão da classe artística e cultural, a Comissão de Educação e Cultura do Senado aprovou nesta terça-feira, 17, a convocação do novo ministro da Educação, Mendonça Filho, deputado licenciado do DEM, para prestar informações sobre a extinção do Ministério da Cultura e a migração das atribuições da pasta para a Educação. A data para realização da reunião ainda não foi definida.
Em seu depoimento o ministro será questionado sobre as razões para a tomada da decisão de extinção do MinC, além de seus planos para o fortalecimento da área cultural.

Após as críticas sobre a extinção, o governo do presidente interino Michel Temer discutiu a possibilidade de criação de uma Secretaria com poderes ampliados ligada a Presidência, mas a área técnica concluiu que isso iria onerar em cerca de 50% a mais nos salários do novo órgão, levando a decisão de manter a Secretaria de Cultura sob o guarda-chuva do MEC.


Na justificativa para a convocação de Mendonça Filho, o senador Randolfe Rodrigues argumentou que a mudança vem causando muita preocupação no meio artístico. "São inúmeras as manifestações contrárias a decisão do governo federal: produtores, atores, diretores, artistas plásticos, músicos, todos os setores ligados à área cultural já se manifestaram contrariamente a essa decisão."

A comissão também aprovou outro requerimento para a realização de uma audiência pública, com participação de artistas e especialistas, para debater a extinção do Ministério da Cultura.


COMPARTILHAR:

+1

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Postagens populares

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...