Membros do MTST que invadiram escritório da Presidência da República em SP são presos pela PM

A Polícia Militar do Estado de São Paulo expulsou os milicianos do MTST que estavam causando tumulto e invadiram o prédio da presidência da República na Avenida Paulista.
O Grupo está indignado porque o governo de Michel Temer cortou as “verbas estatais” que sustentam os líderes desses grupos. Eles querem, na base do tumulto e violência, continuar recebendo dinheiro do governo, como aconteceu nos últimos 13 anos em que repasses generosos foram enviados diretamente aos líderes de ‘movimentos sociais’.




Tais movimentos, como o MTST, atuam como linhas auxiliares do PT no país, manifestando-se contra os opositores dos petistas sempre que convocados.

Ao menos quatro pessoas foram detidas. A confusão começou por volta de 16h30 na esquina da Avenida Paulista com a Rua Bela Cintra, quando a polícia foi prender um manifestante e outros foram atrás tentar evitar a detenção. Houve tumulto e a polícia usou bombas de gás para dispersar a multidão. Os manifestantes derrubaram uma guarita móvel da PM.


COMPARTILHAR:

+1

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Postagens populares

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...